terça-feira, 13 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #13 - Dia de amar (13)

Para ser amado é preciso amar. O dia treze de cada mês é considerado um dia de forte poder mágico, pois é o centro do mês. Em todo o dia treze do mês, procure demonstrar seu amor pelas pessoas e criaturas. Abrace, beije, acaricie, ame. Além de se tornar uma criatura cada vez mais amorosa, você passará a ser cada vez mais amada(o).

Além disso sugiro indico a oração abaixo para se conectar ainda mais com as forças da grande mãe.

Oração à Grande Mãe

Eu sou a Deusa, eu sou a bruxa
Eu sou aquela que ilumina e protege
O poder da Grande Mãe está dentro de mim.

Que a Grande Mãe
A Senhora do Norte
Encha de frutos a árvore da minha vida.

Grande Deusa que habita dentro de mim
Santifica cada palavra minha e cada ato meu
Afasta cada sombra de minha vida
Ilumina todas as minhas estações

Torna-me forte na dor
Torna-me bela no amor.
Que teu nome e teu poder
Sejam o meu nome e o meu poder.

Assim sempre foi, assim sempre será. 

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #12 - para escolher um amor

Melhor dia: Sexta-feira
Melhor horário: Vênus



Você vai precisar de:

  • Pétalas de rosas secas
  • Saquinho de seda cor-de-rosa
  • 2 velas cor-de-rosa


Este feitiço ativa o seu amor-próprio e através dele facilita uma escolha amorosa. Lembre-se disso e ira atrair uma boa pessoa para sua vida. Coloque pétalas de rosas secas num saquinho de seda cor-de-rosa, amarre-o. Acenda duas velas cor-de-rosa e diga:
"Este ou aquele, tenho que escolher. Deusa guie minha escolha, para eu não me perder".
Sinta o suave perfume das pétalas de rosas e use o saquinho junto ao corpo.

Feitiços de Outubro #11 - proteção para o lar

Melhor dia: Domingo
Melhor horário: Sol



Você vai precisar de:
  • Papel
  • Caneta


Este feitiço aprisionará entidades negativas antes que possam afetar a harmonia de sua casa. Apanhe um pedaço de papel branco. Ao escrever as palavras abaixo nele, escreva-as em espiral, da borda externa para o centro do papel.
Escreva:
            "Todos vocês espíritos intrusos e desarmoniosos, são atraídos para esta armadilha. Do centro você só pode retornar para o local de onde vieram".

Deixe-o sob o capacho da sua porta frontal. Se alguém entrar trazendo tais criaturas, eles serão aprisionados na porta. Esse é um sistema muito antigo, usado pelos povos da Mesopotâmia. 

*Autor desconhecido.

domingo, 11 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #10 - proteção com hematita (amuleto)

Melhor dia: quinta-feira.
Melhor horário: marte.



Este encanto é indicado especialmente para pessoas que trabalham ou lidam com o público. A energia que perdemos ao lidar com muita gente é grande e nem todos tem os canais fechados para lidar bem com isso. Se esse é o seu caso, faça este encanto.

Você vai precisar de:
  • Uma hematita.
  • Um saquinho azul escuro.
  • Uma vela branca.
  • Folhas de arruda.
Acenda a vela. Depois de limpar sua hematita, coloque-a num saquinho de pano azul escuro cheio de folhinhas de arruda. Peça proteção as entidades que costuma reverenciar e deixe a vela terminar de queimar. Ande com o saquinho por sete lugares fortes (igrejas, círculos de fadas, templos, etc). Retire a hematita do saquinho e carregue-a sempre consigo. A hematita é um cristal que funciona como poderoso escudo protetor, pois é capaz de absorver as energias negativas. Deve ser utilizada por todas as pessoas que lidam com público. Revigora a circulação sanguínea, regenera e tonifica os tecidos, prevenindo a anemia comum na gestação.

Feitiços de Outubro #9 - Para despertar a vidência com espelho mágico

Melhor dia: Segunda ou Sexta-feira
Melhor horário: Lua


Este é um ritual para despertar a vidência. Caso não possa fazer todos os dias, tente fazer ao menos uma vez por semana e nesse caso escolha uma Segunda ou sexta-feira. Na hora da Lua da parte da noite.

Você precisará de:
  • Um espelho virgem
  • Uma vela branca
  • Cristais diversos
  • Incenso

Sente-se e mentalize o círculo mágico partindo de você. Use os cristais para criar o círculo a sua volta. Acenda a vela branca e o incenso e apague qualquer outra luz do ambiente. Pegue o espelho virgem (que você manterá coberto durante dia e só usará para estes fins) e coloque-o diante de você. Coloque a vela entre você e o espelho de olhos fechados, diga:
Ó deusa, das visões, reveladora das verdades, concede-me a honra, de ver a verdade do mundo.

Respire profundamente três vezes, sentindo o cheiro do incenso. Abra os olhos e observe atentamente seu próprio rosto por uns 15 min. Pratique isso todos os dias e em poucas semanas perceberá os indícios do aflorar de sua clarividência.

Feitiços de Outubro #8 - para combater o medo

Melhor dia: terça-feira.
Melhor horário: Júpiter.
Este é um feitiço para combater o medo, a insegurança e o receio em todas as áreas da vida e ajuda a terminar projetos que você já começou, mas que insiste em parar.





Você vai precisar de:

  • Vela branca
  • Pétala de rosas brancas.



É importante que esteja sozinho. Acenda a vela branca e segure-a (use um pires para a cera quente não pingar em você). No bolso ou em uma bolsinha improvisada, coloque as pétalas de rosas. Escolha o local e fixe os dois pés com firmeza, dizendo:

O primeiro passo é dado, com certeza e convicção.

Jogue um punhado de pétalas na sua frente e dê um passo firme.

Todos os obstáculos são removidos, sou hábil e tenho coragem para ir adiante, pois as forças da luz estão comigo contra todas as trevas. E com coragem, dou o segundo passo.

Jogue mais um punhado adiante e dê mais um passo.

Para o fogo, eu trago a água, para o Mal eu trago o bem, para o injusto eu sou a justiça. E com sabedoria, eu dou o terceiro passo.

Jogue mais um punhado adiante e dê mais um passo,

As forças do bem me movem adiante. É impossível parar ou deter-me. Minha luz agora é forte. E com honestidade eu dou o quarto passo.

Jogue mais um punhado adiante e dê mais um passo.

O mundo é meu jardim, as feras não me ameaçam, pois sei que não estou só. E com humildade, eu dou o quinto passo.

Jogue mais um punhado adiante e dê mais um passo.

O cansaço não me abate, a tristeza não me atinge, minha realização é como o sol que aquece e ilumina a todos. Meu sucesso é inevitável. E com garra eu dou o sexto passo.

Jogue mais um punhado adiante e dê mais um passo.

E como estava previsto e escrito, eu alcanço meus objetivos. Minhas intenções retas foram recompensadas, pois minha glória é a recompensa todos os que me apoiaram e protegeram até aqui. É como amor que dou o sétimo passo.

Jogue mais um punhado adiante e dê mais um passo.

Tudo o que eu fizer, será realizado. Tudo o que eu disser, será ouvido. Eu trago em mim o poder dos exércitos e como guerreiro, não abandonarei esta batalha. Obrigado a todas as forças que estiveram comigo nesses sete passos. Que possam estar comigo em cada passo que eu der a partir de agora na realização de meus projetos.



Apague a vela com as pontas dos dedos e guarde-a envolta em um pano preto, caso precise fazer o feitiço de novo. Faça-o sempre que se sentir fraquejar no meio de seus projetos. Lembre-se: começar coisas é fácil, ter idéias brilhantes, mais ainda. Difícil mesmo é levá-las até o fim.

*Autor desconhecido.

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #7 - Banho para prosperidade.

Melhor dia: Domingo.
Melhor horário: Júpiter.

Este encanto serve para qualquer pessoa aumentar seus recursos, não importando seu ramo de atuação.

Você vai precisar de:
  • Uma caneca de água.
  • Um punhado de três dedos de erva doce.
  • Três pedaços de canela em pau.
  • Três cravos.
  • Uma noz moscada.

Ferva a água com a erva doce, a canela em pau, os cravos e a noz moscada. Coe e retire devolva os ingredientes á terra. Depois do seu banho normal, jogue essa água do pescoço para baixo. Repita este banho de sete dias, até achar que seus negócios já estão andando bem.

*autor desconhecido.

Feitiços de Outubro #6 - Captar energias pesadas no lar

Melhor dia: Domingo
Melhor horário: Sol

Você vai precisar de:

  • Um recipiente (de vidro ou cerâmica, jamais de plastico ou alumínio)
  • Água limpa ( e/ou para potencializar pode ser utilizada água captada da chuva).
  • Um dia ensolarado

Encha um recipiente com água e coloque-o ao sol, por três horas. Após esse tempo, essa água estará repleta de energia yang ("quente"). Coloque esse recipiente em locais escuros da casa, que tenham sido usados por pessoas doentes ou que estejam impregnados de fluidos nocivos (negativos). A água energizada pelo sol é capaz de promover harmonia e proteção.

Feitiços de Outubro #5 - Para atrair o amor

Melhor dia: Sexta-feira.
Melhor horário: Vênus.



Você vai precisar de:
  • Velas - pra você, 1 vermelha, 1 verde e 1 branca.
  • Essência de rosas e azeite.
  • 1 Fita vermelha e outra verde.
  • 3 pratos brancos
Apanhe uma vela que corresponda ao seu signo do zodíaco (veja a tabela) – ela será sua representante, uma vela vermelha (da paixão), uma vela verde (do amor) e uma branca – representando sua “vítima”.

Faça o ritual numa Sexta-feira, dia de Vênus. Unte as 4 velas com essência de rosas e azeite. Apanhe a sua vela e diga enquanto estiver untando: “Que esta vela e sua chama seja eu mesmo(a), (nome).”

Depois, pegue a vela branca e enquanto unta-a, diga: “Que esta vela branca seja aquela do meu amor, que eu quero..." (e faça uma relação de características que não podem faltar à pessoa que você procura. Não pense numa pessoa específica. Pense nas qualidades e personalidade que você deseja em alguém).

Depois, apanhe a vela verde e diga ao untá-la: “Esta vela é o amor que nos unirá eternamente e que nos fará felizes”.

Por fim, unte a vela vermelha e dizendo: “Esta vela é a paixão que nos unirá eternamente e que nos fará felizes”.

Amarre a sua vela e de seu amor com uma fita vermelha e outra verde, pela base. Apoie as duas velas unidas num prato branco, e as outras duas, em dois pratos, com as respectivas cores e acenda-as.
Concentre-se nas 4 chamas e deixe-as queimar até o fim. Logo sua alma gêmea aparecerá e, neste momento, acenda uma vela branca agradecendo aos Deuses do Amor.

Lembre-se: o amor nunca deve ser imposto, faça com que ele cresça e permaneça junto a você!

*Autor desconhecido.

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #4 - Contra pragas e maldições.

Melhor dia: Sábado.
Melhor horário: Saturno.


Você vai precisar de:
  • Açúcar
  • Farinha de trigo
  • Sal
  • Vento
Esse feitiço é muito eficaz contra as maldições jogadas oralmente, as tradicionais pragas.
Você vai precisar, primeiro, de um dia com muito vento, um pouquinho de açúcar, um punhado de farinha de trigo e um pouquinho de sal.
Coloque tudo na palma da mão e, enquanto o vento leva os ingredientes, repita o seguinte encantamento:
Vento que sopra nos campos,
Vento que carrega as sementes,
Leva a maldição a mim enviada,
E alegria na minha vida tu ventes.
E que assim seja,
E assim se faça!

Depois que o vento carregar todos os ingredientes, dê um forte sopro na mão e a lave na água corrente.

*Autor desconhecido.

domingo, 4 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #3 - Perfume Afrodisíaco.


Melhor dia: Sexta.
Melhor horário: Vênus.



Você vai precisar de:
  • 9 cravos-da-índia.
  • Seu perfume favorito.

Para atrair um amante apaixonado, coloque nove cravos-da-índia dentro de seu perfume favorito. Use este perfume sempre que estiver sem alguém. Com certeza você será presenteado(a) com um novo romance!

*Autor desconhecido.

Feitiços de Outubro #2 - Para Pedidos

Melhor dia: Segunda.
Melhor horário: Lua.



Você vai precisar de:
  • Uma vela vermelha.

Ascenda a vela vermelha e diga:

Vela que queima

Luminosa e clara
Atenda as palavras que profiro
Leve-as a Deusa de toda a vida
A senhora em que tanto confio
Nesta noite eu canto a magia
Em tons fortes sempre seja
Que a Deusa da bruxaria
Três desejos me conceda
Pois três cetros vós tendes
Doce brisa da manhã
Pois três faces vós tendes
Virgem, mãe e anciã
Três desejos eu tenho
Realize a minha vontade
Três desejos eu tenho
traga a felicidade.



Faça os 3 pedidos.

Deixe a vela queimar ate o fim.
O feitiço pode ser fortalecido com adereços potencializadores como pedras, óleos, incensos de acordo com o pedido.


*Sugerido por Renan :D meu amigo querido. Retirado do livro Wicca, a Religião da Deusa - primeira edição do autor Claudiney Pietro.

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Feitiços de Outubro #1 - Encanto para atrair alegria para o lar.

Melhor dia: Domingo.
Melhor horário: sol.





Este encanto é muito simpático e atrai as forças das entidades infantis. Ele é indicado quando o clima em casa ou no trabalho está tenso, ou a tristeza se tornou uma companhia incômoda que já deveria ter ido embora.



Você vai precisar de:
  • Um bolo redondo.
  • Suco de limão ou laranja natural (o limão e a laranja são frutas que purificam e atraem a felicidade).
  • 13 pratinhos coloridos de papelão (não servir em plástico)
  • 13 copinhos (de preferência de papel ou vidro)



Faça um bolo você mesma numa fôrma redonda. Quando o bolo estiver pronto, diga com as mãos sobre ele e a jarra de suco:



A roda da fortuna gira e não para. A roda do carro traz a conquista. A roda do mundo traz a alegria. Que a roda que não para de girar, recicle a energia deste lar e lhe traga de volta alegria e sorrisos sinceros. Assim eu digo, assim o é!



Divida o bolo em 13 pedaços e encha os copos de suco separando o primeiro pedaço e o primeiro copo de suco. Coloque-os em um local alto na casa ou em uma arvore do seu jardim, e distribua o restante entre as crianças (que podem ser de casa, conhecidas ou totalmente estranhas). A alegria voltará pra sua casa rapidinho.





*Autor desconhecido, ligeiramente modificado. Aproveite esse momento para curtir com a sua família ou amigos. A magia não deve ser usada como desculpa para o seu isolamento.

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Seja bem vindo Outubro!! Nosso mês da feitiçaria :D

Olá pessoal,

Outubro finalmente chegou e esse mês o blog sera dedicado a feitiçaria! Confesso que não sou muito fã de feitiços prontos, mas eles podem servir de inspiração nos momentos difíceis da vida.

Então fiquem comigo esse mês!

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Feliz Ostara!

O Deus (Sol) cresceu, tornando-se um jovem adulto. Ele está passando pela puberdade e suas forças são refletidas na vitalidade e no crescimento das plantas. Ele está crescendo novamente. 

A Deusa é agora uma bonita Virgem da Primavera, jovem, donzela dos novos ventos e esperanças que cobre a terra com seu manto de fertilidade; desperta de Seu repouso, enquanto o Deus se desenvolve e amadurece. 

Ele caminha pelos campos a verdejar, e delicia-se com a abundância da natureza. Na Natureza acontece uma explosão de cores, de flores, de energia e vitalidade. Em nós, este é um período de iniciar, de agir, de plantar para ganhos futuros, e de cuidar dos jardins.


FELIZ OSTARA PARA TODOS!!!

Sugiro as postagens abaixo:


terça-feira, 22 de setembro de 2015

Ritual de Ostara


RITUAL DE OSTARA.


MATERIAL DO SABBATH:

  • 1 caldeirão ou outro vasilhame com água (exceto de plástico).
  • Flores.
  • 3 velas (1 verde, 1 amarela e 1 branca OU todas brancas).
  • Incenso.
  • 1 Ovo cozido, com a casca pintada com símbolos do que você deseja atrair para sua vida.


PROCEDIMENTO: 

Prepare o altar com as velas formando um triângulo e o caldeirão (ou vasilha) no centro, ao lado reserve as flores, o Ovo e o Incenso.

Trace o circulo mágico como de costume, caso nunca tenha aberto um circulo mágico clique AQUI.

Após abrir o circulo, acenda as velas e o incenso enquanto diz:
“Que o caminho seja iluminado para a Primavera passar. Oh, Senhora das Flores e Senhor do Sol que os pássaros possam cantar, que as flores possam crescer e que à cada dia tenhamos alegria e prazer de viver”*¹

Distribua as flores ao redor e dentro do caldeirão enquanto mentaliza sobre o retorno da primavera na terra e na sua vida.

Lave suas mãos no caldeirão, toque com elas todos os pontos do seu corpo que necessitam de cura e inspire o poder da renovação. Então diga:
Abençoada seja a Senhora da vida e da fertilidade. Abençoado seja este ritual de Sabbat.
Abençoado seja o Senhor das Matas. Abençoada seja sua luz sagrada.
Abençoado seja o casal criador. Abençoada seja a Primavera que chegou!

Segure o Ovo cozido e diga:
Em nome da Deusa da Primavera e do Deus Sol, pelos poderes dos quatro elementos, Terra, Ar, Fogo e Água eu consagro este Ovo de Ostara.

Descasque e coma o ovo (ou enterre apos o fim do ritual).

Encerre o ritual dizendo:
“Abençoadas sejam as forças da Primavera. Que assim seja e que assim se faça. Blessed Be!"”

Cante e dance se desejar.
Destrace o Círculo Mágico.






*¹ Frase bonita retirada do livro “Wicca para todos” do Claudiney Pietro.

Abertura de circulo - Livro Wicca para todos do Claudiney Pietro

TRAÇANDO UM CÍRCULO MÁGICO )O(

Antes de lançar um Círculo Mágico preste atenção ao seu redor e veja o quão grande seu círculo seria se você tivesse que delimitá-lo fisicamente. Se você já estabeleceu uma dimensão real com giz, pedras, conchas, cordas ou outros artefatos será mais fácil. Se não, simplesmente estime suas proporções.

Caso seu espaço seja significativamente pequeno para estabelecer um círculo de qualquer tamanho, não há problema. O que importa é seu significado simbólico nessa criação. Faça os mesmos gestos e movimentos sugeridos a seguir sem sair do lugar, apenas movendo-se ao redor de si mesmo e declarando mentalmente que está sacralizando o espaço no qual realizará seu ritual.

Acenda o incenso e as velas que estão sobre o altar. Pegue o seu athame e dirija-se ao quadrante norte, se aproximando do perímetro do Círculo. Segure o athame em sua mão de poder (aquela com a qual você escreve), aponte para o perímetro do Círculo e comece a circular a área imaginada ou delimitada no sentido horário, indo de norte à leste, sul à oeste, visualizando um Círculo de luz sendo traçado ao seu redor, enquanto diz:

"Eu lanço este Círculo de poder para ser o meu escudo e minha ponte entre os mundos
dos homens e Deuses. Eu o consagro e abençoo no nome da Deusa e do Deus"

Caminhe ao redor do Círculo por mais duas vezes repetindo as mesmas palavras e procedendo da mesma forma. Quando tiver circulado pela terceira vez, diga:
"O Círculo está traçado. Que assim seja!"

Agora é hora de invocar a ajuda dos 4 elementos que residem nos pontos cardeais. Enquanto invoca cada elemento, volte seu pensamento as forças da natureza. Ao invocar a Terra pense neste elemento visualizando árvores, rochas e montanhas; na hora de invocar o ar veja a ventania, as folhas viajando através dos ventos e assim por diante. Isto direcionará sua mente para aquilo que é mais sagrado a nós Wiccanianos: a natureza.

Ainda no norte, eleve o seu athame e invoque os poderes da Terra e diga:
"Terra, que frutifica e gera
Eu invoco sua força neste ritual.
Poderes da Terra
Sejam bem vindos!"

Dirija-se agora para o leste e elevando seu athame novamente invoque os poderes do ar
dizendo:
"Ar que sopra a inspiração
Eu invoco sua força neste ritual
Poderes do Ar
Sejam bem vindos!"

Agora vá até o sul e procedendo como das outras vezes invoque o elemento fogo:
"Fogo que traz calor e luz à Terra
Eu invoco sua força neste ritual
Poderes do fogo
Sejam bem vindos!"

Por último siga em direção ao Oeste, eleve o seu athame e diga:
"Água que lava e purifica
Eu invoco sua força neste ritual
Poderes da água
Sejam bem vindos"

Vá para o altar, coloque o seu athame sobre ele e eleve seus braços aos céus invocando a presença dos Deuses e dizendo:
"Deusa e Deus.
Invoco sua presença neste ritual.
Estejam aqui e unam-se à mim através de meus atos e pensamentos.
Derramem suas bênçãos sobre este Círculo Sagrado.
Senhora e Senhor,
Sejam bem vindos!"

Procedendo desta maneira seu Círculo estará traçado e abençoado. Agora você pode realizar o ritual que quiser ou usar este espaço sagrado para conversar com os Deuses, oferecer uma poesia, cantar, dançar ou meditar.

Quando tiver encerrado seu trabalho mágico, consagre os alimentos e bebidas, se fizerem
parte do seu ritual. Faça uma libação aos Deuses e deposite um pouco do alimento sobre
o altar em um prato especialmente preparado para esta finalidade e em seguida destrace
o Círculo Mágico.

DESTRAÇANDO O CÍRCULO

Toda vez que um Círculo Mágico é traçado no início de um ritual, ele deve ser destraçado ao final. Isso não só é uma forma de dispensar as energias que foram invocadas para seu ritual, mas também uma maneira simbólica de voltar à sua consciência habitual e mundana.

Para isso você deve agradecer a presença dos elementos, da Deusa e do Deus com palavras espontâneas ou semelhantes às que seguem:
"Deusa e Deus agradeço sua presença e ajuda neste ritual.
Abençoados sejam e sigam em paz!

Em seguida vá até o norte com o athame e circule por 3 vezes o espaço no sentido anti horário indo de norte a oeste, sul, leste e norte novamente dizendo:
"Pelo Ar que é o Sopro da Deusa
Pelo Fogo que é o Espírito Dela
Pelo Água que é o Seu útero
E pela Terra que é Seu corpo
O Círculo está aberto, mas não rompido.
Que assim seja e que assim se faça.
Blessed Be!"


*Retirado do livro "Wicca para todos" do Claudiney Pietro.

domingo, 20 de setembro de 2015

Despedida de Imbolc

"Em Imbolc a Deusa após o período de resguardo do parto, aparece como a Mãe nutridora.
O Deus (Sol) está lentamente aumentando sua força a cada dia...
Na Natureza, os dias vão ficando mais longos e o frio vai diminuindo, dando lugar a um Sol meio tímido. A terra sob nossos pés acolhe as sementes. Vamos "acordando" do sono do Inverno, querendo sair mais, estar em contato com os outros, respirando o ar menos gelado".

  

Olá pessoal estamos as vésperas de Ostara, e para não ficarmos com um hiato no blog estou colocando aqui algumas informações sobre Imbolc. 

Imbolc assim como o Samhain, Beltane e Lammas fazem parte dos 4 sabás maiores que celebram o ciclo agrícola da Terra e marcam a semeadura, o plantio e as colheitas.

Eles complementam a roda de Sabás menores que são Yule, Ostara, Litha e Mabon também conhecidos por Equinócios e Solstícios e que marcam a trajetória do sol pelo céu... sugiro ler aqui no blog a primeira  e a segunda parte da minha explicação pessoal para roda do ano Wiccana.

O texto abaixo NÃO é de minha autoria, mas descreve bem o que foi esse período. Como estamos na transição não colocarei um ritual pronto para Imbolc, mas podem aguardar que ate amanhã (21/09/2015) teremos um ritual simples para comemoração de Ostara).


IMBOLC – A PROMESSA DA PRIMAVERA

1º de agosto no hemisfério Sul

Imbolc ou Candlemas, como também é conhecido, ocorre no pico do Inverno.
Este é o tempo do ano em que a Terra se encontra fria. O sol está lentamente aumentando sua força a cada dia. A Luz Crescente é um sinal da promessa da Primavera. Imbolc é o festival que celebra a luz nas trevas. A palavra Imbolc significa “no ventre / leite”, pois nesse período as ovelhas, vacas e cabras entravam em seu período de lactação e começavam a produzir leite. Isso era um indício claro da chegada da Primavera.
Imbolc marca as boas-vindas à Primavera, época em que a vida começa a acordar do sono frio do Inverno. Neste dia sagrado celebramos a fertilidade de todas as coisas. Em Imbolc a Deusa Brigit, Senhora do Fogo, da vida, do conhecimento, da poesia, das fontes sagradas, era honrada por todos os celtas. Todos agradeciam por Ela ter mantido o Fogo das lareiras queimando durante as noites escuras e gélidas de Inverno.
Brigit é uma Deusa solar, associada com as árvores, as flores e o cantar dos pássaros e nessa época do ano, com a aproximação da Primavera, todos esses elementos começavam a dar seus primeiros sinais vitais de retorno.

Brigit tinha um santuário na antiga capital irlandesa de Kildare, onde um grupo de 19 Sacerdotisas mantinha uma chama eterna acesa em sua honra. Ela era considerada a Deusa do Fogo e a padroeira dos ferreiros. Era uma Deusa Tríplice, Guardiã da lareira e da família.
Esse Sabbat simboliza o tempo em que a Deusa está cuidando do seu bebê, a Criança do Sol (o Deus). Ela e seu filho afastam o Inverno. O Deus está crescendo forte e poderoso e isso se torna cada vez mais visível nos raios de Sol que começam a dar seus primeiros sinais. A Deusa está recuperando suas forças do parto em Yule e isso é refletido na coloração verde das plantas e nos animais que começam a sair da hibernação. Agora a Deusa abandona o seu aspecto de Anciã e se transforma na Virgem das Flores.
Os Grandes Sabbats são conhecidos como Festivais de Fogo, pois é tradicionalmente acesa uma fogueira em suas celebrações. Imbolc é único em que o tempo frio impedia o acendimento de uma fogueira ao ar livre. As fogueiras de Imbolc tomavam forma então nas muitas velas e tochas acesas. Essa é a razão por que Imbolc é conhecido como Candlemas, que vem do Candle = “velas” associado a mas = “massa”, ou seja, “massa de velas”. As velas representam o pequeno fogo da Criança Sol (o Deus), crescendo em cada um de nós. Esse simbolismo das velas em Imbolc é extremamente poderoso, pois reafirma que a Divindade reside no interior de cada um de nós, bem como o poder de força de transformar as esperanças em realidade.
Imbolc era o momento em que cada vela, lamparina e tocha da casa era acesa para iluminar os caminhos, para que o Sol pudesse atravessar. Por toda a Europa, nessa época, eram feitas procissões com tochas, com a finalidade de purificar os campos e arados para o plantio na Primavera que se aproximava. Isso poderia ser interpretado como um rito de invocação ao Deus (Sol), para que fertilizasse e fecundasse a Terra, e entrasse em todas as casas com sua luz para que estas fossem prósperas e ricas.
Imbolc é o Sabbat da Purificação, por isso uma prática tradicional associada com esse Sabbat é a Varredura, na qual varremos nosso Círculo com Vassouras Mágicas, expulsando energias negativas, como azar, ressentimentos e coisas ultrapassadas de nossa vida. É comum também varrer toda a casa mentalizando o banimento do mal.
A ligação de Imbolc com a purificação vem da Antiga Europa, onde, nessa época, toda a decoração de Yule era queimada, de acordo com as Antigas Tradições. Isso representava o desligamento com o passado para que o futuro fosse promissor. Caso isso não acontecesse, os antigos europeus acreditavam que os maus espíritos viriam assombrar a casa e seus moradores e trazer toda espécie de azar durante o ano.
Outros costumes muito tradicionais são as camas de Brigit – bonecas são feitas com palha ou ervas e então colocadas ritualisticamente em uma cama, junto a um pequeno bastão, representando a fertilidade da mente, do espírito e da Terra.
Por ser um período em que os temas de renovação, purificação e abandono do velho para o início do novo estão em destaque, Imbolc é considerado por algumas Tradições como o melhor momento para a realização de Ritos de Iniciações, Dedicações, Wiccanings e outros Ritos de Passagens.
Imbolc é o momento ideal de banirmos todos os remorsos e culpas (sentimentos associados ao Inverno) e planejarmos o futuro para o próximo ano. Esse é um dos Sabbats mais poderosos, pois traz uma mudança pessoal profunda e transformadora. É tempo de limpar, lavar e purificar e se preparar para o crescimento e a renovação. Também é um período de sacrifícios voluntários do nosso Eu Exterior, pois é hora de banir o velho para que o novo possa entrar. Nesse Sabbat são feitas purificações com Fogo e Água, os principais elementos da Deusa Brigit.
É o momento de limpar e preparar nossas mentes e corpos para o ressurgimento. A Deusa está mandando embora os escombros do último ano com a sua sagrada Vassoura. Ela ocupará o espaço vazio com novas ideias e novos caminhos. Assim como Ela, temos que nos preparar e limpar o terreno para que o novo possa entrar em nossa vida.

CORRESPONDÊNCIA DE IMBOLC

Cores: vermelho, laranja, branco.
Nomes Alternativos: Imbolc Brigantia, Candlemas, Lupercus, Candelária, Disting, Oimelc, Dia de Brid, Brigit’s Day.
Deuses: a Deusa, no seu aspecto de Virgem e de fertilizadora, e o Deus, no seu aspecto de fertilizador, jovem e menino.
Ervas: urze, sálvia branca, calêndula, limão, dente-de-leão, manjericão, sementes de açafrão, rosas, freixo, aveleira, verbena, violeta, mirra, estoraque, bálsamo, sangue-de-dragão, baunilha.
Pedras: quartzo branco, citrino, turmalina amarela, turmalina verde, quartzo rosa, hematita, rubi, granada, zircônia vermelha, pérolas, coral, ágata vermelha, topázio.
Comidas e Bebidas Sagradas: bolos de frutas, tortas de maçãs, cerejas, framboesas, maçãs, pão, sopas de creme, vinho, suco de frutas e todos os tipos de chás.

ATIVIDADES:
  • Queimar todos os enfeites de Yule para mandar o Inverno embora.
  • Fazer uma cama de Brigit.
  • Fazer uma Roda de Velas.
  • Pendurar uma Cruz de Brigit na parede de casa.
  • Varrer a casa com a Vassoura Mágica.
  • Limpar o seu espaço sagrado, seu Altar, Instrumentos, etc.
  • Colocar três sementes de milho sobre a porta principal como símbolo da Deusa Tríplice e deixar até Ostara, em que deverão ser queimadas.
  • Fazer travesseiros dos sonhos para cada um de seus familiares.
  • Colher pedras para serem usadas em Círculos Mágicos. Em Imbolc do ano seguinte devolve-las à Natureza e trocá-las por novas.
  • Acender uma vela em cada janela da casa. Começar no pôr-do-sol do dia de Imbolc e continuar até o nascer do Sol do dia seguinte.
  • Abençoar velas para serem usadas durante o decorrer do ano em feitiços e sortilégios.
  • Fazer uma Mãe do Milho (Cor Mother). 

sábado, 18 de julho de 2015

Yule 2015

Em Yule a escuridão reina como se estivéssemos no caldeirão da Deusa. Assim, O Rei das Sombras transforma-se na Criança da Promessa, o Filho do Sol, que deverá nascer para restaurar a natureza.
(...)
Para os povos antigos o clima era algo extremamente importante, uma vez que passavam a maioria do tempo ao ar livre. Exatamente por isso, o Solstício de Inverno era uma data reverenciada pois anunciava a promessa do retorno do sol, da luz e da fertilização da vida. O Deus, como a Criança da Promessa (o sol nascente e crescente), era celebrado para trazer calor e luminosidade.
Yule assinala a esperança de um novo tempo, abrindo caminho para as inúmeras possibilidades. Era celebrado com luzes, fogo e a tradicional árvore de Yule com enfeites e bolotas de carvalho, que posteriormente foi assimilada pelo Cristianismo e se transformou na árvore de natal.
Trechos do livro "Wicca para todos" do Claudiney Pietro


Nós somos um reflexo de tudo o que acontece na natureza, durante o inverno é natural que nossas forças e energias estejam internalizadas e vivenciar esse período em sua plenitude pode nos proporcionar muito auto conhecimento. 
Todos os anos quando chegamos em Yule, noto que me torno muito mais reflexiva, que minha busca por aprender e também por ensinar cresce, que fico ansiosa por mais aconchego, entre outros "sintomas" do inverno nem sempre construtivos como a depressão e a apatia.

Faltam apenas 17 dias para Imbolc, que além de ser o sabbat da promessa da primavera também é o pico do inverno (the winter is coming!!!), então parei pra refletir e percebi que aqui em casa estava faltando muita pratica em toda essa teoria da roda do ano. Como assim?! Quem me conhece sabe que sou uma pessoa natalina. Não sei o que acontece comigo, mas o Natal sempre me encantou, tenho lembranças MUITO fortes relacionadas a essa festa e mesmo sendo wiccana eu simplesmente subtraio "o nascimento de cristo" e sigo feliz com os festejos em dezembro mesmo. 

Tá, mas eu estava falando sobre como nos sentimos e de repente estou falando de natal... CALMA! Respira fundo e pensa comigo, qual é o objetivo de uma festa? Qual é a função da decoração (arvore, enfeites, pisca pisca, verde, vermelho por toda parte)? O objetivo da ceia com a família e amigos? Porque trocar de presentes?

Não pretendo me estender muito nesse texto, mas para os povos antigos o Yule era uma época de grande escuridão, escassez de alimentos, frio, noites mais longas e dias curtos e a percepção destes fenômenos fizeram com que eles se reunissem para pedir aos Deuses ancestrais que o inverno não fosse muito rigoroso e que as forças da natureza os ajudassem a superar esse período. 

Festejar transmuta nossas energias, a decoração "yulesca" nos mostra através dos símbolos, luzes e cores que a natureza (a Deusa) vive apesar de recolhida e a energia solar (o Deus) vai retornar e crescer com o passar dos dias. Estar em família e compartilhar alimentos e presentes afasta a negatividade e nos torna muito mais receptivos ao clima invernal.

Então o que fazer para entrar no espirito de Yule em junho?!

Comece por decorar o seu altar, ele é o espelho da nossa espiritualidade (fique alerta se costuma deixá-lo abandonado e cheio de pó). Em todos os livros sobre Wicca encontraremos referência a Tora de Yule que tradicionalmente seria feita com carvalho, azevinho, figueira ou cipreste... Mas como estamos no Brasil vale escolher qualquer árvore que resista bem ao inverno e que possua os ramos ainda verdes nessa época. Mantenha velas acesas para saudar o retorno da luz do Sol e abuse das cores de Yule, o verde e o vermelho. Use a criatividade!

Escolha as divindades que ira celebrar e que te acompanharam nesse período, o importante é manter o arquétipo de Deusa mãe e do Deus a criança.
Ritualize. Aproveite a energia de Yule para meditar e realizar feitiços ou amuletos para proteção da sua casa. Caso não tenha realizado o ritual na entrada do Solstício AQUI você encontra um ritual pronto e clicando AQUI você pode ler o mito do Rei azevinho para ajudar na meditação.

Aqueça sua casa, você pode usar tapetes e cortinas mais grossas ou simplesmente deixar uma manta no sofá para quando for ler um livro ou assistir TV. Abra as portas e janelas para que a energia se renove. Faça uma limpeza física e energética e se livre das tralhas.  Doe as roupas e cobertores que não usa para instituições de caridade ou moradores de rua, alem de ajudar você se sentira muito bem.

Cuide-se. Ingira líquidos quentes ao longo do dia, como chás e sopas, para se manter aquecido. Mexa-se para espantar o frio! Use as escadas, caminhe, faça exercícios.  Cubra sua cabeça (use chapéu, boina, touca, boné), pois é através da cabeça que perdemos mais calor do corpo, então é importante protegê-la.

Reúna sua família e/ou amigos. Não precisa elaborar uma ceia completa, você pode preparar caldos, sopas, fondue ou oferecer uma tarde com chás e bolos, já seria ótimo! Aproveite para pesquisar receitas e planejar menus com a cara de inverno.



"Deixe seu coração ser preenchido... 
com a magia da estação. Feliz Yule"